sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

Os dentes da Gabi




A Gabi é uma mulher fantástica. Divertida, simpática, despachada, alta, morena, cabelos lindos, gostosa. Mas eu queria falar do sorriso, que é enorme e cativante, além da auto estima. Se ela fosse uma música do Charlie Brown o cara já tava perdendo a linha na primeira. 

A Gabi ama carnaval. Leva a sério a história de entrar num personagem criativo.

Em um desses dias de folia a Gabi perdeu o dente numa luta por um pirulito com um outro folião. A tentativa de furto ocorre quando o moço puxa o pirulito da boca da moça. Eu não falei ali em cima, mas a Gabi é bicha arretada, mulher barraqueira quando necessário. Ela travou os dentes e defendeu seu patrimônio. Ele puxou mais, ela travou sem chance de ceder. Quem perdeu a batalha foi o dente. Aquele da frente, o atacante, o menino Bebeto, aquele primeiro que é visto na hora do sorriso. Gabriella agora era dona de metade de um pirulito e um dente quebrado que era impossível de esconder.

Quando ela me contou, achei que a noite havia acabado por ali. Mas a noite só havia começado. Gabriela usou sua auto estima do caralho pra não perder o seu sorriso tão característico. Ela sorria ainda mais do o normal. Aparentemente, a fantasia da auto estima que ela estava usando a deixava ainda mais bonita porque ela passou o rodo no bloquinho, mesmo quando o cara chegava nela e ela apontava pro dente. Eles simplesmente não ligavam porque ela mesma também não estava nem aí. Inclusive postou várias fotos nas redes sociais.

A noite da Gabriella terminou muito bem e até acompanhada. Eu tirei uma lição e confirmei outra dessa história. A primeira lição foi a de que a auto estima é a melhor roupa que você pode vestir pra se sentir bem. Tudo fica interessante quando a pessoa é interessante.

A lição que eu confirmei é que eu agora me arrumo pra mim. E isso quer dizer que eu posso não me arrumar e me sentir bem se eu estiver com a auto estima em alta. Foi assim que saí com vários caras sem tomar banho para o evento específico, sem estar com uma roupa que chamasse atenção ou sem passar perfume, por exemplo. E eles diziam que eu estava muito cheirosa. Eu podia soltar a frase que eu uso quando tô insegura: "ah é? tô suada, nem tomei banho hoje". Mas eu deixei sentir só o cheirinho da minha auto estima tomando conta.

Até adotei um mantra: Se a Gabi pegou 5 banguela, eu posso pegar um sem pentear o cabelo. Faça a sua versão e seja feliz.

Mulheres com alta auto estima vão longe. Mulheres com alta auto estima e um dente quebrado vão a lugares que a gente nem imagina.

Um comentário:

  1. Eu estava pensando nisso hoje. Sempre elogiei muito minha filha para que ela tivesse boa autoestima e acho que isso fez mal a ela. Minha mae contribuiu para que eu tivesse uma péssima autoestima, sempre apontando meus pontos fracos e me criticando. Hoje ela é otima. Nao tomo banho todos os dias e falo pra todo mundo, saio com crocs de uma cor e outra de outra porque foram as que encontrei antes de sair d e casa com pressa, cartao de credito nao passou ao inves de morrer de vergonha acho engracadissimo. Eu danço mal pra caramba, desengonçada como poucos mas ja dancei pelos corredores de um supermercado porque a musica era boa. Mas como conquistei isso? Idade? Nao sei. Tenho amigas que nao sao assim. Queria saber o segredo.

    ResponderExcluir